Mar de Minas

Tiago Silva

25 fevereiro 2020

Nenhum comentário

Descobrindo Minas Gerais

A história de Capitólio começou a ser desenhada, por volta de 1800, quando surgiu na região 2 portugueses: Machado de Faria e Gonçalves de Morais. Capitólio-MG então conhecida como “Mata do rio Piumhi” foi ganhando investimentos na agricultura, onde logo essas matas foram formando bonitas e produtivas fazendas. Nas primeiras décadas do século XIX o movimento e o comercio na região aumentavam de forma exorbitante.

Em 1830 com a chegada dos primeiros moradores, os três irmãos: João Francisco, Manoel Francisco e Antônio Francisco, considerados os fundadores do povoado que originou Capitólio-MG. A partir de então um povoado foi surgindo, nascendo assim o primeiro nome dado a cidade onde hoje está Capitólio-MG “Arraial dos Francisco” em homenagem aos antigos donos das terras.

Com o passar do tempo em 1893, o fazendeiro Pedro Messias da Cunha se instalou nas imediações do Arraial dos Francisco adquirindo grandes proporções de terra. Após 2 anos ele doou um terreno para construção de uma capela que ele mesmo ergueu em honra a São Sebastião, Padroeiro da cidade a partir daí a cidade passou a se chamar “Arraial de São Sebastião dos Francisco”.

Em 7 de setembro de 1923 por determinação de uma lei criou-se o distrito de Capitólio, desmembrando-o do município de Piumhi e o anexou ao de Guapé; Já em 1939 Capitólio foi elevada à categoria de vila, Vila de Capitólio; obtendo uma tentativa fracassada em 1943, foi então que Capitólio conseguiu sua independência política administrativa, no dia 27 de dezembro de 1948. Passando a ser chamado de Capitólio.

Desde então a cidade tem passado por estruturação para receber os turistas, se você está procurando um lugar tranquilo e acolhedor, a TJ Tour te leva para Capitólio é o lugar ideal para você e sua família, a cidade é rodeado pela natureza, com muitas cachoeiras e trilhas, sem contar com a vista magnífica do Cânion, cartão postal da cidade.

Venha com a TJ conhecer o famoso MAR DE MINAS e conhecer além das belezas naturais a especialidade gastronômica da região, com pratos à base de peixe; traíras e tilápias preparadas como churrasco.

Tags :

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *